Guest Post #5- 30 anos e um blogue

16.5.13




Mais um guest post - desta vez da minha querida Liliana, do blogue 30 anos e um blogue.
Conheci a Liliana virtualmente e no ano passado veio ao workshop do Porto. Fiquei a gostar ainda mais dela. E a Liliana tem agora esta página (bora lá pôr um Like) que tenho a certeza que vais gostar :)
Se há coisa que eu não suporto é que não me olhem nos olhos enquanto falo com alguém. Portanto, deduzo que a minha filha também não goste que eu lhe vire as costas ou olhe para o chão enquanto fala comigo. 
O que eu não sabia (e já percebi que funciona) é que a minha filha acalma (de uma gritaria ou de uma birra) quando lhe toco, quando me dirijo a ela num tom mais baixo e quando suavemente lhe digo "Calma, a mamã explica" ou "Posso explicar, Maria?!"
Também percebi que mudar de contexto, (sítio ou mesmo assunto) resolve, muitas vezes, uma birra;
Sempre dei muitos beijos, sempre abracei e sempre cuidei. Mas o que eu não sabia é que estes beijos, estes abraços e esta atenção redobrada são tão mais necessários quanto maior for a birra. Se entendermos a birra como um descontrolo das emoções, o abraço e a escuta poderão ser fundamentais. Por mais que nos custe e por mais que consideremos a palmadinha no rabo a solução (mais fácil).

E vá, tenho que admitir que o remorso e a inquietude assombraram-me os minutos que se seguiram à palmadinha  no rabo e ao grito mais histérico, sobretudo porque percebi nitidamente que foram consequência da falta de estratégias, da minha parte, para contornar a situação.
E sabem... aprendi mais e mais e mais. A constatação mais pura é a de que a Felicidade influencia positivamente a nossa relação com os nossos filhos. Qualquer (pessoa) MÃE FELIZ consegue fazer filhos MAIS FELIZES! E isto é extensível a tudo na vida, ao trabalho, à relação conjugal, às amizades.... (chega mesmo a não haver pachorra para pessoas sempre tristes e com ar sisudo. Really?!)

E tudo isto se deve à minha querida Magda e ao Mums. Gosto muito de ti. És uma simpatia, és empática (também aprendi sobre a importância da empatia!!!) e sinto-me orgulhosa por te conhecer pessoalmente. E agora lembrei-me que também aprendi a "agradecer"... Gratidão era só mais uma palavra, mas passou a ser assunto sério e um bom assunto sério. Sempre que agradeço sinto-me mais feliz e se me sinto mais feliz sou capaz de fazer os outros felizes!!!

Um beijinho ENORME. Adoro o Mums <3

3 comentários:

  1. E mesmo isso , mas as vezes não consigo disponibilidade mental para fazer o " jogo da estratégia" e depois sinto me a pior mae do mundo :/

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito deste testemunho. Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share